Tag Archives: Côco

Coconut wonder

65

Agosto é um mês fabuloso! Habitualmente há férias neste mês, há Algarve nessas férias, há família que se vê só durante este período, ultimamente tem havido chuva (Yayyyyyy), há a chuva de meteoritos mais importante do ano e depois, claro está, há o meu aniversário 🙂 .

A propósito do meu aniversário resolvi fazer um bolo usando um ingrediente que nunca uso pois nem R. nem amigos próximos apreciam particularmente, o famigerado côco (que eu adoro tanto, tanto!!!). Ora, estava eu a lontrar nas minhas férias e a fazer zapping entre o 24Kitchen e o FoodNetwork quando me deparo com o programa da Trisha Yearwood e com as suas receitas maravilhosas, havendo uma que me gerou uma paixão imediata, a deste bolo fabuloso. Um detalhe fabuloso que me conquistou, para além do côco foi o facto de a farinha utilizada não ser exactamente farinha mas sim waffers de baunilha finamente trituradas J (usei um robot de cozinha – no caso Yammi) e assim que vi este ingrediente pensei “Pócaraças, este ano o bolo é SÓ para mim!!!!!” e pronto foi o que aconteceu 😀 .

Agora malta doida por côco, por favor façam este bolo!!!

(adaptado de Trisha’s Southern Kitchen)

(chávena medida de 240 ml)

Ingredientes:

Bolo

– 300 g de manteiga (à temperatura ambiente)

– 2 chávenas de açúcar

– 8 ovos (à temperatura ambiente)

– 1 colher de sobremesa de açúcar baunilhado

– 400 g de waffers de baunilha (finamente trituradas)

– 250 g de côco ralado hidratado (com 1 chávena e meia de água)

– ½ chávena de nozes (grosseiramente picadas)

– Bolacha torrada triturada em farinha e manteiga para barrar a forma

Calda

(rende calda suficiente para um bolo e mais um frasco de ¼ l)

– 1 + ½ chávenas de açúcar

– 2 colheres de sopa de maizena

– sumo e raspa de 2 limões

– 170 g de côco ralado hidratado (com 1 chávena de água)

– 1 + ½ chávenas de água

Preparação:

Bolo

– Ligar o forno a 160 ºC;

– Forrar uma forma de buraco (o ideal é uma forma de pão de ló) com manteiga e a bolacha torrada finamente triturada (bater com a forma na bancada e retirar o excesso de farinha de bolacha torrada) e reservar;

– Bater a manteiga e os açúcares até obter uma mistura cremosa e fofa;

– Juntar os ovos 1 a 1, mexendo muito bem entre cada adição;

– Juntar a farinha de waffer, o côco e as nozes. Mexer muito bem;

– Levar ao forno por 1h15min ou até o palito sair limpo;

– Retirar o bolo do forno, deixar arrefecer na forma durante cerca de 10 minutos e dp deixar arrefecer numa rede. Reservar.

Calda

– Juntar todos os ingredientes num tacho, mexer muito bem até obter uma mistura homogénea;

– Levar a lume médio durante cerca de 15 minutos ou até obter uma calda espessa;

– Deixar arrefecer ligeiramente;

Montagem

– Colocar o bolo no prato de servir (o ideal é um prato fundo);

– Fazer pequenos furos no topo do bolo;

– Colocar a calda por cima do bolo;

– Só para coconut lovers: Servir o bolo com mais calda!!!!

Muka dourada*

Anúncios

Tartitas gulosas

43

O tempo tem andado fusquito e fresquinho e o que apetece mesmo é uma manta felpuda, um chá quentinho e um docinho para depenicar =) A propósito disso mesmo decidi fazer uma receita que tinha em mente há já algum tempo e a verdade é que o resultado foi excelente 😉 Para mim usar ovos moles numa receita é à partida uma aposta ganha mas bom, eu sou viciada em neles e como tal dificilmente detestaria algo que tivesse ovos moles.

Se preferirem uma versão menos doce experimentem usar massa quebrada a substituir a massa areada ;).

(receita para cerca de 8 tartitas)

Ingredientes:

– 1 embalagem de massa areada (usar massa quebrada para uma tarte menos doce)

– 100 g de ovos moles

– 20 g de pétalas de côco

– Raspa da casca de meio limão

Preparação:

– Ligar o forno a 180ºC;

– Desenrolar a massa areada e com a ajuda das formas cortar 7 círculos (deixando uma margem de cerca de 1 cm), com os restos da massa estender e fazer um 8 círculo;

– Colocar nas formas (previamente barradas com manteiga), picar com um garfo e levar ao forno durante 5 minutos para pré-cozinhar a massa;

– Numa taça colocar os ovos moles, o côco e as raspas de limão, misturar bem e rechear as tartes com esta mistura;

– Levar ao forno por 15 minutos ou até se apresentarem bem douradas.

Muka dourada*